sexta-feira, novembro 02, 2007

Como matar o Interior e as suas terras

Com a notícia, por nós já esperada, da tentativa de encerramento da GNR em Vila Franca das Naves, este Governo mantem a habitual tentativa de impor (se a população e os seus líderes autárquicos não se mexerem...) a morte e destruição de muitas das localidades do interior beirão. Depois das Escolas Primárias, de muitos dos Serviços dos Hospitais, dos Centros de Saúde, das estradas e transportes, agora chegou a vez de tentarem roubar a Segurança aos cidadãos de segunda (que é isso que este governo pensa que são os habitantes desse fim-do-mundo que é a Beira Interior...) da nossa região.

Há que unir esforços, preparar a luta, contar armas e preparar as populações para mais esta tristeza que para aí vem - se ainda há homem de barba rija e mulheres como antigamente não seremos novamente espoliados daquilo que merecemos, temos direito e pagamos arduamente com os nossos impostos...!

PS - Se em vez de semearem desertos pelo país, tentassem perceber o que as suas gentes precisam, daqui a alguns anos o nosso país ainda existia... Há que resistir, não calar a revolta, dar voz a quem sabe como impedir a execução da pena de morte que alguns querem dar ao interior e às suas terras!

1 comentário:

al cardoso disse...

Francamente, depois este (des)governo ainda tem a lata de dizer que nao e economissismo!!!
Realmente so nos faltava mais esta.

Um abraco amigo e beirao d'Algodres.